Buscar

Clericot para festas de final de ano


O Clericot originou-se na França, no séc XIX, e era composto por suco de limão, xerez, brandy e soda. Da França foi para a Argentina e Uruguai, especialmente no balneário Punta Del Este, onde a bebida consagrou-se.

Naqueles países, a receita foi modificada e, em vez de vinho tinto, começou a ser preparada com vinho branco ou espumante, cubos de fruta e açúcar. Pêssego, uvas, morango e maçã são os frutos mais utilizados. A liberdade para trocar os ingredientes é uma das coisas mais interessantes desse tipo de drink.

Então anota a receita e depois pode nos marcar nas redes sociais com a #Caipadentro:

1 pêssego sem casca e cortado em pedaços pequenos 1 maçã sem casca e cortada em pedaços pequenos 1 pera sem casca e cortada em pedaços pequenos 1 manga sem casca e cortada em pedaços pequenos 1 kiwi sem casca e cortado em pedaços pequenos 1 cacho pequeno de uvas cortadas ao meio e sem sementes 5 morangos cortados em pedaços pequenos 1 abacaxi sem casca e cortado em pedaços pequenos Gelo em cubos Açúcar (de 4 a 8 colheres de sopa, de acordo com sua preferência) 750 ml (1 garrafa) de vinho branco do tipo chardonnay 2 doses de vermute branco

Dica: sirva em jarra, com uma colher alta, para ajudar a distribuir as frutas nos copos.

Rendimento: 1 jarra pode servir até 5 pessoas.

OBS.: Muitas receitas levam além do vinho, espumante, que de acordo com o paladar do cliente, pode ser usada desde Brut a Moscatel.